Saiba como montar uma planilha de controle financeiro pessoal, as vantagens de usá-la e apps para a gestão de receitas e despesas

Responda com sinceridade: você sabe para onde vai o seu dinheiro todos os meses? Sabe exatamente o que gasta com moradia, transporte, alimentação e lazer?

Se você respondeu positivamente para as perguntas acima, é sinal de que tem boa gestão de sua vida financeira. Já se sua resposta foi não, não se assuste. Nem todas as pessoas conseguem ter um bom controle de gastos e isso pode ser corrigido. Basta usar uma planilha de controle financeiro pessoal.

Com uma planilha, você consegue enxergar claramente onde tem gastado mais dinheiro, no que poderia economizar e até mesmo guardar mais para alcançar aquele objetivo que planeja há muito tempo.

Se você quer montar uma planilha de controle financeiro pessoal e tem dúvidas de como fazer, continue conosco. A seguir, vamos explicar todos os passos para que você consiga ter a gestão sobre seu dinheiro como sempre quis!

O que é uma planilha de controle financeiro pessoal

A planilha de controle financeiro pessoal é a forma como você conseguirá organizar todos os seus gastos, saber para onde tem ido o seu dinheiro e identificar como poderia gerir melhor tudo aquilo que recebe.

Numa planilha, você reunirá todas as suas despesas. A soma delas mostrará o quanto você gasta mensalmente.

O ideal é que você divida os gastos em categorias para compreender melhor qual o seu perfil de consumo. Estão entre as principais categorias:

  • moradia;
  • transporte;
  • saúde;
  • alimentação;
  • lazer;
  • educação.

Uma planilha detalhada e com boa gestão de despesas pode, inclusive, levar à construção de gráficos em que você vai comparar, mês a mês, como tem sido seus gastos e onde conseguiu economizar mais ou “desperdiçou” dinheiro.

Acesse o Clube da Leitura e veja recomendações de livros sobre gestão financeira que podem ajudar no controle do seu dinheiro:

Clube da Leitura Digilandia

Vantagens de ter uma planilha de controle financeiro

Você já deve ter claro que uma planilha de controle financeiro pessoal ajuda a gerir melhor o seu dinheiro, certo? Mas essa é apenas uma das diversas vantagens que esse controle trará para a sua vida. A seguir, relacionamos diversos benefícios:

Compreensão do seu fluxo de dinheiro

É comum que as pessoas saibam exatamente o quanto recebem por mês, mas nem todos conseguem dizer o quanto gastam. Com uma planilha, você entenderá exatamente o seu fluxo de dinheiro.

Dessa forma, é possível organizar um orçamento equilibrado, em que as despesas não vão superar o que você recebe, o que consequentemente evitará o surgimento de dívidas.

Se você não sabe exatamente o quanto gasta e para onde vai o seu dinheiro, a principal razão deve ser por não ter essa visão com clareza. E esse problema é contornado a partir do momento em que uma planilha de controle financeiro passa a ser usada.

Capacidade de reduzir custos

A partir do momento que enxerga para onde está o seu dinheiro, fica mais fácil com o que você está gastando mais do que deveria e, assim, reduzir seus custos.

Algumas despesas são fixas, como aluguel, luz, água e condomínio. Outras são variáveis, como compra de presentes, contas de restaurantes ou ingressos de cinemas. E todas elas serão reunidas na planilha.

Dessa forma, você consegue identificar onde pode fazer cortes e deixar de gastar com coisas que não são essenciais para a sua rotina.

Um bom exemplo são as tarifas pagas aos bancos tradicionais para a manutenção de conta, que não são cobradas pelos bancos digitais. 

Essas cestas de serviços podem custar mais de R$ 30 por mês. Esse valor pode até não parecer tão alto, mas são mais de R$ 360 por ano que você poderia gastar com outra coisa que seria mais importante ou até ajudar a chegar mais perto daquele sonho que gostaria de realizar.

Atingir metas e construir reservas

Qual sonho você gostaria de realizar e que está distante por causa de dinheiro? Pense nele como uma meta a ser atingida. E para ela ser alcançada, é preciso ter disciplina financeira.

Somente com um bom controle de gastos, você consegue identificar onde cortar gastos e passar a economizar mais dinheiro para atingir a tão sonhada meta.

Com a planilha de controle financeiro, você pode começar a separar um pequeno percentual de seu salário e, aos poucos, ficar mais perto do valor que precisa para realizar seu sonho.

Mesmo se você não tiver uma meta hoje, a planilha ajudará com outro ponto que é ainda mais importante: ter uma reserva emergencial.

Quando acontece um imprevisto, como a perda de emprego, nosso controle financeiro é fortemente abalado. E para passar por essa fase, é preciso ter construído uma reserva de dinheiro. 

Especialistas em finanças indicam que o ideal é ter valores guardados de pelo menos 6 meses de despesas mensais. Se você está longe dessa quantia, não se assuste. O importante é começar a guardar.

Capacidade de investir 

Os principais gestores de investimento indicam que o ideal é reservar uma quantia todos os meses para investir. Mas como você conseguirá cumprir esse objetivo se não tiver controle de todas as suas despesas?

A partir do momento que usa uma planilha de controle financeiro, você consegue mais facilmente definir uma parcela de seu salário que deveria ser destinada a investimentos. E, dessa forma, você pode fazer o “seu dinheiro trabalhar para você”.

Planejar seu futuro

Para conseguir planejar seu futuro, é importante ter uma visão de como está o cenário atual. Com o controle de tudo o que recebe e gasta, você consegue projetar gastos e saber em quanto tempo conseguirá atingir um objetivo.

Ou seja, a planilha de controle financeiro não serve apenas para controlar os gastos, mas também para ser uma referência de orçamento.

Confira também: Como o marketing digital ajuda empresas a superar a crise

Como fazer uma planilha de controle financeiro pessoal

O primeiro passo para, efetivamente, ter o controle de suas finanças é deixar de apenas planejar e agir. Para criar sua planilha, não é preciso ser expert em Excel ou outras ferramentas. Alguns passos simples podem ser seguidos:

Reúna todos os dados

Para preencher a planilha com precisão, é importante ter em mãos todos os boletos, faturas, holerites e extratos que reúnam o que você recebe e as suas despesas.

Crie colunas e abas

Para ter clareza do quanto gasta, um bom caminho é separar os meses em abas. Já as colunas devem informar qual foi o valor, a data e com o quê foi gasto;

Insira os dados na planilha

Uma vez que você já criou a planilha com todas as colunas que precisa, é hora de começar a preenchê-la. Lembre-se de que você deve colocar o que recebe como um valor positivo, enquanto as despesas ficam sinal negativo, já que devem representar o quanto de dinheiro está saindo;

Some os valores

Preenchidas todas as receitas e despesas, você pode somar os valores . 

Pronto! Agora é a hora que você verá quanto de dinheiro sobra no fim do mês ou se tem gastado mais do que recebe, o que, inevitavelmente, vai gerar dívidas.

Aplicativos para controle financeiro pessoal

Se você não tem familiaridade com planilhas ou não tem tanta disciplina para preenchê-las todos os meses, uma boa alternativa é recorrer aos aplicativos de controle financeiro pessoal.

Esses apps integram com os sistemas dos bancos e entregam relatórios de todos os seus gastos mensais, com as despesas divididas em categorias. Caso você discorde de alguma categorização, basta redirecionar aquele gasto para o lugar que achar mais adequado.

Alguns dos melhores apps de controle financeiro disponíveis atualmente são:

Esses aplicativos ajudam a otimizar o controle dos gastos e permitem que você consiga identificar para onde está indo seu dinheiro mesmo se esquecer de preencher sua planilha de controle financeiro pessoal.

Depois de melhorar o controle das suas finanças, você pode também aumentar sua produtividade no trabalho. Aproveite para conferir 42 ferramentas de produtividade para tornar sua rotina mais eficiente.

Comentários

Este blog tem o orgulho de ter o apoio destas marcas:
Salvar