Você pensa em viajar? Para quem vai para diferentes países, comprar dólar americano pode ser uma grande vantagem. Muito popular, ele é utilizado em diversas nações do planeta como moeda oficial. Pode ser difícil de acreditar, mas nem todos os países têm moeda própria. Inflação, problemas governamentais e até praticidade estão por trás dessa escolha.

Você pensa em viajar? Para quem vai para diferentes países, comprar dólar americano pode ser uma grande vantagem. Muito popular, ele é utilizado em diversas nações do planeta como moeda oficial.

Pode ser difícil de acreditar, mas nem todos os países têm moeda própria. Inflação, problemas governamentais e até praticidade estão por trás dessa escolha. Conheça alguns dos países que também adotaram o dólar americano como moeda oficial.

Porto Rico

A ilha caribenha de Porto Rico é um território não incorporado dos Estados Unidos. Por isso, seu presidente é Joe Biden, e a moeda, claro, é o dólar americano. Para quem está em Miami, dá para visitar a ilha em uma viagem de duas horas de avião.

Porto Rico é uma ilha paradisíaca, com 365 praias de tirar o fôlego. Ao mesmo tempo, passa por um desenvolvimento urbano intenso nos últimos anos. Apesar disso, continua na luta contra a desigualdade social — característica comum em boa parte dos países do continente.

El Salvador

Pequeno país da América Central, El Salvador é o único da região que não é banhado pelo Mar do Caribe. Além disso, é o menor em território e o densamente mais povoado, com pouco mais de seis milhões de habitantes.

A adoção do dólar como moeda oficial aconteceu de maneira “natural”: a moeda circulava tanto no país que não havia sentido ter outra. A oficialização aconteceu em 2001.

Além do dólar americano, El Salvador anunciou, em 2021, o bitcoin como segunda moeda oficial do país. Para complementar, o presidente Nayib Bukele anunciou, no final do ano passado, a construção da primeira “cidade de bitcoin” do mundo, financiada por títulos lastreados no ativo.

O Fundo Monetário Internacional (FMI), no entanto, vem exigindo que El Salvador retire o bitcoin como moeda oficial, por considerar a criptomoeda em si muito instável.

Timor-Leste

Localizado no Sudeste Asiático, Timor-Leste é um dos países mais jovens do mundo. Ocupa boa parte da ilha de Timor (a outra parte sedia Timor Ocidental).

De 1512 até 1975, Timor-Leste era um território português. O problema é que o país só era utilizado para a exploração de recursos naturais. Díli, sua capital, só recebeu luz elétrica na década de 1960. Água e esgoto encanado, além de escolas e hospitais, só chegaram na década seguinte.

Em 1975, Timor-Leste declarou independência de Portugal, mas, no mesmo ano, foi invadido pela ditadura da Indonésia. O país só pode escolher seu próprio presidente em 2001 e declarar independência em maio de 2022.

Por decisão da ONU, desde o ano de 2000, o país adota o dólar como moeda oficial.

Equador

Pode parecer estranho, mas o nosso vizinho Equador também usa o dólar americano desde os anos 2000. O problema foi a alta taxa de inflação: em 1999, chegou a 60% ao ano; em 2000, a 100%. Antes que tudo piorasse, o país jogou a toalha e adotou o dólar como moeda oficial.

Zimbábue

O caso do Zimbábue é uma versão piorada do que aconteceu no Equador. Em julho de 2008, a inflação chegou a espantosos 231 milhões % ao ano. Mas esse não foi o recorde: autoridades simplesmente desistiram de divulgar os números mensais quando ela chegou a 80 bilhões % em novembro de 2008.

Um ano depois, quando US$ 1 chegou a custar 35 quadrilhões de dólares zimbabuanos, o país abandonou sua própria moeda.

Bonaire

Você já ouviu falar nessa península? Com pouco mais de 20 mil habitantes, Bonaire é uma pequena propriedade da Holanda próxima à Costa da Venezuela, no sul do Caribe. É um município especial dos Países Baixos, antigamente constituinte das Antilhas Holandesas.

As outras ilhas dos chamados “Países Baixos caribenhos”, Saba e Santo Eustáquio também usam o dólar americano como moeda oficial.

O holandês é a língua oficial do país, mas a maior parte da população adota o papiamento (língua crioula falada no Caribe). Espanhol e inglês também são falados no local.

A principal atividade econômica de Bonaire é o turismo. Para quem quiser visitar o Caribe, vale passar na ilha.

Comentários

Salvar