Faça compras online com o cartão de crédito virtual e saiba como solicitá-lo para turbinar a segurança nos meios de pagamento digitais

Já ouviu falar do cartão de crédito virtual, que traz mais segurança nas transações desse meio de pagamento? Cada vez mais, a tecnologia ocupa novos espaços na vida em sociedade, facilitando e instigando ainda mais as compras online.

Segundo dados da MCC-ENET, entre janeiro de 2021 e 2022, o mercado online registrou um aumento de 20,56% nas vendas. Nesse cenário, o cartão de crédito virtual tornou-se uma realidade, seja nas compras nacionais ou internacionais.

Neste artigo, explicaremos como funciona essa nova modalidade de consumo e mostraremos como criar um cartão de crédito sem burocracia. Continue a leitura!

O que é um cartão de crédito virtual?

O cartão virtual é a alternativa que oferece segurança e funcionalidade na hora de realizar compras online em sites e aplicativos, dentro e fora do país. Em muitos bancos, o cartão físico não está mais habilitado para esse tipo de pagamento. 

Além da sequência de números, o produto tem o código verificador e a senha. Ele pode ser gerado pelo aplicativo das financeiras ou ser uma imagem já disponível de forma online para o cliente, o que torna a compra ainda mais acessível.

Onde criar cartão de crédito virtual na hora?

Quem já possui um cartão de crédito físico pode consultar a disponibilidade no aplicativo do banco. Porém, se a versão digital não for uma opção, outras instituições financeiras oferecem o serviço gratuitamente, como: Nubank, BMG e C6 Bank.

Quais empresas possuem cartão de crédito digital?

Muitas empresas já oferecem a modalidade virtual e cada uma com um pacote de benefícios mais interessante do que o outro. Vejamos alguns exemplos.

  • Nubank
  • Banco Inter
  • BMG
  • Banco Original
  • Next 
  • C6 Bank

Nessas instituições, o acesso ao cartão de crédito virtual gratuito é feito pelo app ou site. Não há custo adicional na versão online. De qualquer forma, fique atento, pois as tarifas e demais cobranças de cartões físicos ainda valem nessa modalidade.

Então, avalie muito bem quais taxas são cobradas na instituição da sua escolha.  

Custos para criar o cartão de crédito

Quando o assunto são os custos para criar cartão de crédito virtual, levamos em consideração a anuidade. Afinal, essa é uma taxa muito conhecida pelos consumidores e a mais tradicional com relação aos cartões de crédito.

Mas o fato é que nem todo banco cobra essa taxa em se tratando dos cartões de crédito virtuais. Por exemplo, no Santander, o cliente pode abrir uma conta digital gratuita e solicitar o Santander SX com cartão virtual grátis. 

Porém, outras instituições ainda mantém a cobrança dessa taxa, mesmo na versão online. Esse é o caso do cartão de crédito Bradesco, que cobra uma anuidade de R$ 38 por mês.

Vantagens do cartão de crédito virtual

  • Para fazer a compra, é preciso ter o número do cartão virtual com você, o que ajuda a manter a segurança.
  • Você pode escolher o limite do cartão de acordo com a compra que vai fazer.
  • Não há taxa de manutenção nessas operações.
  • Aceito nos principais aplicativos e em lojas virtuais, como Uber, IFood, Magazine Luiza e Netflix.
  • Praticidade na hora de ativar e, também, caso precise bloquear.
  • O código verificador costuma ser alterado aleatoriamente, o que evita a clonagem. 

Como usar o cartão de crédito digital?

Como já mencionamos, esse cartão de crédito só pode ser utilizado em compras online. Sua utilização é feita através dos principais dados: número do cartão, CVV, data de validade e nome do titular descrito no cartão.

Para solicitá-lo, você precisa ter um cartão de crédito físico e considerar as diferentes qualidades (físico e virtual). Alguns deles são válidos para uma única compra, por sinal. 

Em muitos sites, após o primeiro uso, você tem a opção de salvar seus dados para compras recorrentes. Apesar disso, não é uma prática aconselhada, a fim de garantir a segurança das operações e informações utilizadas.

Como escolher o melhor cartão de crédito virtual?

Antes de sair por aí pedindo cartões de crédito virtuais, leve em consideração alguns pontos para escolher a melhor opção para você. Veja as questões abaixo e reflita!

  • Como você pretende utilizá-lo?
  • Sabe usá-lo com responsabilidade?
  • Quais as taxas de juros do cartão de crédito?
  • Haverá o desconto da anuidade?
  • Como é seu relacionamento com o banco?
  • Existem programas de fidelidade e descontos?
  • Qual bandeira escolher?
  • O limite do cartão é flexível?

Seguindo essas dicas , você poderá avaliar as melhores opções disponíveis no mercado e solicitar o cartão de crédito condizente com sua realidade. Lembre-se de que o produto ideal é aquele que atende às suas necessidades, certo?

Então, pense bem nas características que apresentamos aqui e em outras que você possa considerar relevantes nessa escolha. Isso porque sua relação com o cartão de crédito precisa ser saudável, sem dependências ou gastos excessivos. 

Conclusão

O cartão de crédito (virtual ou físico) nos ajuda em muitas situações, quando usado com sabedoria. Isto é, levando em consideração sua renda e as despesas já acumuladas ao longo do mês.

Com a criação do cartão de crédito virtual, as possibilidades aumentaram muito, visto que as compras online já são uma realidade na vida de muita gente. Em todo caso, a dica é manter uma boa organização financeira para evitar o endividamento.

Pensando nessa organização e na saúde financeira da sua família, separamos um conteúdo especial. Dessa forma, o cartão de crédito será um forte aliado (e não um grande problema).

Para você: como cuidar das finanças pessoais e gerir melhor o dinheiro

Comentários

Salvar