Saber como abrir o seu próprio negócio, seja por meio da internet ou ponto físico, é algo essencial em tempos de aumento do desemprego e crise econômica.

A crise econômica instalada no mundo fez com as pessoas pensassem em muitas estratégias para se dar bem no mercado de trabalho, inclusive abrir o próprio negócio. Por isso, saber como investir com pouco dinheiro é fundamental em tempos de incertezas e instabilidade no mercado financeiro e de trabalho.

Assim, para driblar essa crise, muitas pessoas investiram em seu próprio negócio, com a sua própria fonte de renda. Desse modo, o que antes parecia distante, se tornou uma realidade para muitas pessoas, virar empreendedor.

Agora, como devemos investir no mercado atual? Será que é importante ter um ponto físico ou posso trabalhar apenas com serviços online? Vamos entender melhor sobre este mercado nos tópicos abaixo.

Confira essas 6 dicas para você criar um negócio com pouco dinheiro, como: redator, blogueiro, personal trainer, culinária, manicure e aulas. Boa leitura!

Leia também: Como trabalhar em casa [19 ideias de trabalho home office]

Mercado online e tradicional

Com o avanço das redes sociais, hoje tornou-se quase impossível não estar presente na internet. 

Já que este meio de comunicação e de informação se tornou primordial na vida de muitas pessoas, que buscam se informar ou mesmo encontrar dicas de negócios e de compras. Tudo está na palma da mão e com fácil acesso!

Por mais que tenhamos este diferencial nos dias de hoje, não podemos esquecer que alguns negócios ainda necessitam de um ponto físico, até mesmo para fidelizar aquele cliente que não se adaptou à internet.

Por isso, vamos trazer algumas dicas para você de negócios físicos e negócios online, confira abaixo!

Ideias de negócios online

Quando falamos de negócios online, já pensamos em toda uma programação complicada pela frente, mas isso pode ser facilmente resolvido.

Em caso de dúvidas para a criação de um site ou redes sociais, um profissional de TI ou de comunicação, como jornalista e publicitário, pode facilmente resolver esta questão. 

Além disso, para auxiliar você, contar com plataformas completas como Systeme.io é essencial, auxiliando na otimização de diversos processos para que você consiga atuar com vendas e aumentar muito mais os seus lucros.

Agora, qual negócio online abrir com baixo investimento? Confira abaixo três ideias e comece a empreender!

  1. Redator ou produtor de conteúdo

Um negócio online para você começar investindo pouco é o trabalho de redator.

Para produzir conteúdo, você precisa apenas de um computador, uma boa internet e uma ideia na cabeça. Não há necessidade, pelo menos em primeiro momento, de um local fixo para atender a demanda.

Entretanto, é bom observar que, para esse tipo de serviço, é recomendado encontrar um local tranquilo, silencioso e que ajude na sua concentração e foco.

Após este passo, você já pode começar a sua divulgação.

Crie as suas redes sociais, faça a sua divulgação, monte o seu portfólio e siga em frente. Se você for um bom profissional, não vai demorar para encontrar um cliente.

Em caso de dúvidas, consulte portais nas redes sobre o assunto, como Coursera, Udemy ou Rock Content.

  1. Blogueiro e Youtuber

Outro serviço online que está em alta é o de blogueiro.

Com uma câmera na mão, tudo pode acontecer. Se você tem bastante conteúdo, sobre se expressar e tem facilidade com a câmera, o Youtube será sua plataforma preferida. 

Invista agora em um bom cenário, que possa identificar seu estilo sem exagerar na decoração e comece a produzir.

Como este é um mercado bem concorrido, a dica é trazer algo diferente. Se você tem conhecimento sobre uma área muito específica ou sabe falar sobre algo que é bastante desconhecido, aposte nesta editoria e comece agora seu investimento.

  1. Afiliado 

Atividade profissional que está em constante crescimento, o afiliado trabalha com a divulgação de produtos físicos ou digitais, divulgando para um público que já é seu ou trabalhando estratégias de geração de tráfego, como anúncios pagos e/ou SEO.

Pensando em produtos físicos, programas de afiliados de empresas como Amazon, Lomadee e Awin, são as principais do mercado brasileiro. 

Na parte digital, plataformas como Hotmart, Eduzz e Monetizze são predominantes no mercado e você não precisa de muito para começar a trabalhar como afiliado

O afiliado precisa de pouco para iniciar, mas ao mesmo tempo precisa ter consciência que terá de investir tempo para escutar assuntos como tráfego, copywriting, CRO, entre outros para garantir vendas constantes. 

Ideias de negócios físicos

Vamos agora falar de negócio em um espaço físico.

O negócio tradicional se caracteriza pelo ponto físico do estabelecimento. Neste sentido, para quem ainda tem dificuldades com as redes sociais, poder atender de modo presencial é uma boa escolha.

Algumas dicas deste tipo de serviço são:

  1. Refeições

Um dos serviços que mais cresceu durante essa crise sanitária que vivemos foi o setor de refeição, seja ele para lanches, marmitas, doces, bolos, açaí…

Então fica aqui a nossa dica para você que deseja investir com pouco dinheiro, mas tem um dom para culinária.

O serviço de refeições se divide bem entre o serviço tradicional e o online. No caso do ponto físico, ele será a referência para a retirada do pedido ou para o envio das refeições via delivery. 

O estabelecimento será o principal ponto para os clientes avaliarem o serviço e a qualidade do produto.

No caso do serviço online, você poderá divulgar o cardápio, novidades que serão lançadas, divulgação do endereço e telefone, anúncio de vagas de emprego em caso de aumento na demanda, entre outros serviços. 

Este é um negócio que pode trabalhar muito bem as duas opções.

Leia também: Como fazer SEO para restaurantes 

  1. Manicure

Nas cidades em que o serviço está liberado, muitas mulheres descobriram uma nova profissão com um investimento baixo, sendo manicure.

Profissionais neste momento estão retomando suas atividades e com isso redobrando os cuidados necessários e tomando as devidas precauções para evitar a contaminação das suas clientes.

Mulheres não deixaram de fazer unhas, apenas mudaram o local, ao invés de irem até o salão, passaram a fazer as unhas em casa, pois esta é uma opção para reduzir o contato com outras pessoas.

  1. Aulas particulares

As aulas estão sendo um bom negócio para quem é especializado em uma área ou tem um conhecimento mais apurado e que trabalha com isso.

Tanto presenciais quanto online, ou seja, você pode dar aulas em escola ou então dar aulas online, as aulas se tornaram uma alternativa lucrativa para quem perdeu o emprego ou está com tempo sobrando na agenda.

Se o atendimento for presencial, elabore uma “sala de aula” para receber os alunos. Com isso, os estudantes estarão mais à vontade para apresentar e interessados no conteúdo aplicado.inves

No caso de aulas online, escolha o melhor dia e horário para o aluno, sempre respeitando um horário mínimo de aula e elaborar uma grade curricular que possa comportar a maioria dos conhecimentos.

Com essas dicas, para iniciar um negócio seja ele físico ou online, mas com baixo investimento você conseguirá driblar a crise e continuar ativo no mercado. Aproveite!

Comentários

Este blog tem o orgulho de ter o apoio destas marcas:
Salvar