Saiba como funciona o reembolso do plano de saúde. Em casos de negação da operadora, descubra como fazer um pedido de reclamação

Você já precisou realizar um tratamento, mas o seu plano de saúde não contava com profissional capacitado, então você precisou pagar por um de forma particular? Prejuízo na certa, não é? Mas para que o consumidor não perca dinheiro, o plano de saúde irá cobrir seu atendimento. Esse movimento nós chamamos de reembolso do plano de saúde.

Mas como funciona o reembolso do plano de saúde? E quando utilizá-lo? Nós vamos explicar todos os detalhes para você ficar bem informado. Boa leitura!

Como funciona o reembolso do plano de saúde?

O reembolso corresponde à possibilidade de um beneficiário consultar com especialistas fora da cobertura do plano de saúde. Nessas ocasiões, o procedimento é realizado por médicos conhecidos pelo cliente ou com outros conforme necessidade. Assim, o valor solicitado pelo usuário será pago pelo convênio para cobrir as despesas médicas.

Sabemos que os planos de saúde contam com serviços um tanto quanto limitados, como hospitais, médicos e laboratórios que, muitas vezes, não são essenciais para um determinado tipo de situação. Esse quadro pode provocar situações que a própria cobertura não resolve. Vamos a elas:

Em casos de emergência:

Quando implica em problemas graves, como risco de vida em acidentes ou durante a fase gestacional, por exemplo.

O artigo 12, inciso VI, da lei 9686/98 da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) garante a qualquer beneficiário o direito de restituição de pagamento com despesas médicas e hospitalares dentro dos valores estabelecidos na tabela de serviços do contrato.

Cobertura regional ou nacional:

Acontece quando não há médico ou hospital na região onde se encontra o associado. Por exemplo, o funcionário de uma empresa viaja a trabalho a um município com poucos habitantes e sofre um acidente no qual vai passar por um tratamento delicado. 

No entanto, naquele momento não dispõe de um serviço médico dentro do convênio de origem. Desse modo, ele é obrigado a se consultar com algum profissional particular.

Cobertura local:

Na hipótese de que médicos, hospitais ou clínicas, embora credenciados, se recuse a atender o paciente, seja pela gravidade da situação ou por não dispor de recursos hábeis naquele momento. Outra situação é quando o paciente não conta com acesso a esses fatores na localidade, como já vimos anteriormente.

O único momento em que não há permissão para reembolsar o associado é em atendimentos eletivos, ou seja, os que não tem caráter emergencial ou fora dos quesitos estabelecidos pela ANS.

Obs.: Vale ressaltar que existem prazos máximos para qualquer operadora atender um paciente nessas situações as quais vimos acima. O período exigido consta na resolução normativa 259, da ANS.

Qual o prazo para pedir o reembolso do plano de saúde?

O usuário que requisitar o reembolso do plano de saúde precisa estar atento ao prazo determinado pela operadora, de no máximo 30 dias.

Para dar entrada ao processo de reembolso de plano de saúde, é preciso ficar atento aos seguintes documentos:

  • Consultas: recibo ou nota fiscal. Importante solicitar a discriminação da especialidade do médico, em vista de que os valores podem ser diferentes conforme o tipo de profissional;
  • Exames: solicitação do médico e nota fiscal original;
  • Cirurgias: relatório do cirurgião, cópia do boletim anestésico e comprovantes originais de pagamento;
  • Internações: relatório médico, fatura hospitalar detalhada e documento original fiscal de pagamento;
  • Procedimentos: recibo ou nota fiscal original, e relatório médico comprovando o procedimento. Caso tenha obtido anestesia, deve apresentar cópia do boletim anestésico;
  • Remoção: nota fiscal, relatório fundamentado do médico assistente onde consta o diagnóstico e tipo de remoção necessária, além da análise da perícia médica do Pró-Saúde.

Obs.: O usuário pode ficar no prejuízo se gastar mais com as despesas do que o plano pago em um atendimento.

Leia também: Conheça as regras para o cancelamento de plano de saúde empresarial

Como reclamar sobre a falta de reembolso do plano de saúde?

O reembolso do plano de saúde pode ser recusado por uma operadora de saúde, mas não é por isso que você vai ficar em desvantagem, não é?

Como você realizou os procedimentos corretamente, as operadoras de saúde não podem negar o seu pedido, a menos que haja inconsistência em todo o decorrer. Caso não, a primeira atitude a ser tomada é conversar diretamente com a operadora para esclarecer todas as dúvidas e reavaliar a situação para que seja resolvida em tempo mínimo.

Se a operadora continuar recusando o reembolso do plano de saúde, a reclamação deve ser levada para os cuidados da ANS. A agência reguladora tem todas as regras estabelecidas e provavelmente o ajudará. Mas como nem todos os movimentos são feitos com queremos, a terceira possibilidade é solicitar uma reparação por dano material através de um pedido de liminar por via judicial.

É possível declarar o reembolso do plano de saúde no Imposto de Renda?

A declaração do imposto de renda é uma atitude jurídica obrigatória para quem recebe um total de rendimentos tributáveis como salário, ônus da empresa, entre outros, igual ou maior que R$28.559,70.

Para a felicidade de muitos contribuintes, pode-se declarar o reembolso do plano de saúde com as despesas médicas. O processo deve ser feito da seguinte forma:

  • Acesse o meu Pagamentos Efetuados;
  • Insira o código do profissional;
  • Informe se a declaração foi de um titular, de um dos dependentes ou de alimentandos (beneficiário de pensão alimentícia);
  • Coloque o seu CPF ou CNPJ;
  • Informe no campo “Parcela Não Dedutível/ Valor Reembolsado” o restante recebido como reembolso do plano de saúde.                

Na condição da declaração não ser feita, o contribuinte tem sérias chances de cair na malha fina. Como sonegação fiscal gera multas, cuide-se para você ou sua empresa não ficar com o nome sujo.

Leia também: Como escolher um plano de saúde sem arrependimento em 6 passos

Assista ao vídeo em que uma família passou por dificuldades para pedir reembolso após o tratamento da filha:

Como uma Corretora de Seguros pode ser útil para o reembolso do plano de saúde?

O reembolso de plano de saúde é importante para qualquer beneficiário que precise por algum motivo. Para que você não tenha problemas nesse processo, a Proativa pode auxiliá-lo nessa jornada, além disso, ela vai lhe dar a maior assistência na busca de um plano de saúde de qualidade.

Com 20 anos de história, ela conta com um player de 10 grandes operadoras no Brasil, além de corretores treinados para oferecer os melhores resultados. Não é por acaso que ela já ajudou a alavancar mais de 3000 clientes.

Ficou curioso e quer essa assistência especializada? Marque uma conversa agora com a Proativa. 

Fale com a Proativa, o melhor custo-benefício para sua empresa:

proativa

  

Comentários

Este blog tem o orgulho de ter o apoio destas marcas:
Salvar